As mil partes do meu coração, Colleen Hoover


"Para Merit Voss, a cerca branca ao redor da sua casa é a única coisa normal quando o assunto é sua família, peculiar e cheia de segredos. Eles moram em uma antiga igreja, batizada de Dólar Voss. A mãe, curada de um câncer, mora no porão, e o pai e o restante da família, no andar de cima. Isso inclui sua nova esposa, a ex-enfermeira da ex-mulher, o pequeno Moby, fruto desse relacionamento, o irmão mais velho, Utah, e a gêmea idêntica de Merit, Honor. E, como se a casa não tivesse cheia o bastante, ainda chegam o excêntrico Luck e o misterioso Sagan. Mas Merit sente que é o oposto de todos ali. Além de colecionar troféus que não ganhou, Merit também coleciona segredos que sua família insiste em manter. E começa a acreditar que não seria uma grande perda se um dia ela desaparecesse. Mas, antes disso, a garota decide que é hora de revelar todas as verdades e obrigá-los a enfim encarar o que aconteceu. Mas seu plano não sai como o esperado e ela deve decidir se pode dar uma segunda chance não apenas à sua família, mas também a si mesma. As mil partes do meu coração mostra que nunca é tarde para perdoar e que não existe família perfeita, por mais branca que seja a cerca."
   Não falta muito pra eu concluir a meta de ler todos os livros da autora, As mil partes do meu coração é o livro solo mais recente dela publicado no Brasil e eu estava muito ansiosa pra ler. Como vocês podem perceber através da sinopse, o livro vai trazer vários dramas dentro de uma família muito complicada e com personagens muito peculiares e diferentes. Vou tentar não vou falar muito do enredo porque a sinopse já entrega bastante

    Merit coleciona troféus que não ganhou, sempre que tem um dia ruim ela vai a algum brechó ou loja de antiguidades e compra algum troféu aleatório como prêmio de consolação para si mesma. Numa dessas idas ao brechó ela conhece Sagan, um rapaz que ela nunca tinha visto pelas redondezas e um acontecimento extremamente constrangedor acaba afetando Merit. 

    Como se não bastasse ter que lidar com o trauma e a insegurança que este evento causou em Merit, ela acaba descobrindo mais e mais segredos das pessoas que vivem com ela e tudo isso vira um acúmulo emocional muito grande e ela passa a não ir mais a escola, passa dias sem falar uma palavra sem que alguém note e dia após dia Merit vai se fechando em seu próprio mundo. Até que os sentimentos dela entram em combustão e ela resolve revelar todos os segredos alheios que ela não pediu que lhe fossem confiados.

     Particularmente eu achei o livro maravilhoso do começo ao fim, com poucas ressalvas. Gosto do fato de Colleen trabalhar com temas delicados e nem sempre clichês, gostei de este livro ter vários personagens e não girar em torno de apenas um casal (como alguns outros dela) e me apaixonei por alguns deles como Sagan e Luck. A narrativa é fluída, rápida, e a história é muito emocionante. Portanto, quais são as minhas ressalvas quanto ao livro?


    Se você já leu algo da autora sabe que ela adora um tema forte pros seus livros, aqui não foi diferente. A forma com que as coisas foram acontecendo, sugeriram medidas desesperadoras a Merit. Em um determinado momento temos um acontecimento delicado, grave e que pode gerar gatilhos em muitos leitores, então a primeira ressalva: a falta de um alerta. É um tema delicado pra mim, pode ser pra muita gente um desencadeador de memórias ruins e achei que não faria mal ter um aviso no começo do livro ou na sinopse. 

    Segunda ressalva: após este acontecimento X eu esperei uma mobilização dos outros personagens, esperei uma atitude compensatória, algum tipo de intervenção. Não sei. Porém no outro dia todos seguiram com seus afazeres, tarefas e obrigações. Além de que a maior falha foi a falta de um profissional na saúde em um momento tão crítico. Foi o ápice da irresponsabilidade. A única coisa que "salvou" foi a atitude de Sagan, o que o tornou meu personagem favorito no livro. Talvez pelas minhas palavras vocês já tenham deduzido algo, ou não, mas eu juro que me esforcei ao máximo para não dar spoilers. 

     De maneira geral, o livro é MUITO BOM, no final acabei tendo a "intervenção" que eu queria sim, mas tardia. Na vida real isso seria um perigo. Acredito que Colleen tem capacidade, escreve muito bem, cria histórias incríveis, mas poderia trabalhar com mais cuidado quando se trata de temas sensíveis. Este foi o motivo de eu não ter dado 5 estrelas a um livro que me encantou tanto e tinha tudo pra ser melhor.


As mil partes do meu coração | Colleen Hoover | Galera Record | 336 Páginas | 4 Estrelas | Skoob

3 comentários :

  1. oi!
    Eu adoro a escrita da autora,este livro é otimo e aborda um tema super atual.. Gostei da resenha ;)

    ResponderExcluir
  2. Oi, esse é um dos livros dela que mais quero ler. A protagonista parece viver numa família bem conturbada. Importante isso que você ressaltou do aviso sobre gatilhos e sobre como a autora poderia ter trabalhado melhor a questão.

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem?

    Eu (Yvens) ainda não li os livros da Colleen, mas pretendo ler em algum momento desse ou do próximo ano. Gostei da resenha e fotos, está de parabéns pelo trabalho realizado!
    Abraço!

    ResponderExcluir

My Instagram

Copyright © Toca Geeky | Universo Geek, Lifestyle e muita criatividade!. Made with by OddThemes . Distributed by Weblyb