BEDA 31 | O que eu aprendi em 4 anos de blog

by - sexta-feira, agosto 31, 2018

Photo by Anete Lūsiņa on Unsplash

    Às vezes parece que fazem dez anos que o blog existe, às vezes parece que foi ontem que eu o criei. O fato é que de lá pra cá eu conheci pessoas incríveis, passei por experiências que, por ser uma garota do interior, eu jamais tinha sonhado que fosse passar. Mesmo que o blog ainda seja pequeno, os últimos anos compartilhando conteúdo me ensinaram muitas coisas e eu não sei nem ao menos por onde começar a agradecer. Então hoje, no Blog Day, eu vim contar um pouco de como tem sido pra mim blogar nos últimos quatro anos e, antes de mais nada Feliz Blog Day pra todos vocês que também são blogueiros! 

    A blogosfera, como tudo na vida, tem seu lado bom e ruim e se você não prestar atenção vai conhecer o pior lado de forma bem desagradável. Eu aprendi a ter muito cuidado com o que eu publico nas redes sociais e na internet de uma forma geral. Parece brincadeira, né? Uma blogueira ter cuidado com o que publica? É fato que algumas pessoas não têm mesmo, mas vi muita situação chata nestes anos todos, com pessoas próximas e distantes, e passei a filtrar tudo o que eu falo tanto nas redes sociais do blog quanto nas minhas pessoais. Às vezes eu penso três ou quatro vezes antes de publicar um simples tweet, não por medo de represália não (embora elas aconteçam todos os dias com muitas pessoas), mas porque nem tudo precisa ser dito aos quatro ventos, nem tudo precisa ser exposto e porque tudo pode ser usado contra você no tribunal. 

     Ser blogueira me mostrou que dedicação é a chave pra quase tudo. Eu sempre fui muito rainha da procrastinação sim, deixando tudo pra última hora e estendendo prazos, mas com o blog eu aprendi que quando você não se dedica tanto quanto deveria, nunca vai ter o retorno que gostaria. Simples assim. A não ser que você tenha pais ricos que podem bancar suas viagens e comprinhas pra você ter coisas legais pra mostrar, você precisa dar a cara á tapa mesmo. Foi algo que eu decidi levar pra minha vida pessoal e apesar de eu não ter melhorado da água pro vinho ainda, melhorei pelo menos pra suco de laranja. 

   Aproveitando o gancho da procrastinação, vou aproveitar pra dizer que sempre fui muito desorganizada também (ainda sou em muitas coisas), mas eu melhorei muito nos últimos anos e preciso agradecer à blogosfera. Ter dias certos pra postar, horários certos, ter que planejar posts e fotografar livros e editar as fotos e pesquisar conteúdo... Cansei só de listar. No começo era uma bagunça e eu postava quando dava mesmo, mas tenho tentado me disciplinar cada dia mais e aparentemente tem funcionado. Foi conhecendo outros blogs, lendo posts de amigas e aprendendo mais sobre bujo, planner ou dicas simples de organização que a blogosfera me ensinou a ser menos bagunceira em outros aspectos também. 

     Por último, mas não menos importante, eu aprendi a importância de fazer o que você gosta, falar sobre o que você gosta. Nada vai dar certo enquanto você não for fiel à quem você é de verdade, à sua essência, seus princípios. Todas as pessoas que criam uma persona na internet e se escondem atrás dela, uma hora ou outra são descobertas. E quando você é fiel ao que você gosta e fala unicamente sobre o que você sabe e entende, não corre esse risco. São poucas as pessoas que eu acompanho que ainda são fieis ao que acreditam e você pode encontrá-las no meu blogroll 

Recadinho: Agora que o BEDA chegou ao fim, os posts voltarão à programação normal: toda Segunda, Quarta e Sexta às 10h da manhã.

You May Also Like

0 comentários

Tecnologia do Blogger.